Gaucho Negro!

Gaucho Negro!
Força e Honra

terça-feira, 30 de julho de 2013

Pra ser herói não precisa ter superpoderes... basta ter coração e conhecimento...


Na última terça-feira (23) o motorista da Prefeitura, Luiz Eduardo Garcia Carvalho teve uma atitude heróica. Ele saiu de Imbé por volta das 4h30 da madrugada para levar pacientes até Porto Alegre. Eram aproximadamente 8h quando retornava e parou num restaurante na BR-290 (Freeway) para tomar um café. Pouco depois que seguiu viagem, salvou uma vida.
“Eu estava em velocidade baixa para a rodovia, a cerca de 90km/h quando vi um carro parado no acostamento e um homem gesticulando. Dois carros e um caminhão passaram e não pararam. Resolvi descer com o extintor de incêndio na mão, pois pensei que se tratava de alguma pane. Este homem era pai de uma criança de aproximadamente quatro meses que estava se afogando com o leite que estava tomando na mamadeira”, relata o servidor. Ele conta ainda que, logo que desceu, não tinha percebido que a criança estava no colo da mãe.
Luiz verificou que a situação estava tensa, a criança não respirava e estava ficando com a pele roxa. “Peguei ela no colo e bati nas costas, com o objetivo de tentar desafogar. Não deu certo”, revela. Foi aí que veio a atitude que salvou a vida do bebê. “Não pensei duas vezes e suguei o leite que sufocava a criança, pegando com a minha boca o nariz e a boca dela. O leite saiu e imediatamente o bebê começou a chorar”, conta emocionado, lembrando que os pais da criança e ele também vieram às lágrimas.
O motorista acompanhou o casal e o bebê até o pedágio de Gravataí, onde há um consultório médico. Após receber as notícias que a criança passava bem, Luiz seguiu viagem para Imbé.
O casal viajava de Porto Alegre para Florianópolis. O pai da criança, João Carlos da Rocha, identificou o número do veículo e, como o automóvel possuí na traseira o telefone da Ouvidoria da Prefeitura, ligou para agradecer pela atitude heróica do servidor. O bebê passa bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário