Gaucho Negro!

Gaucho Negro!
Força e Honra

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Porque Batman V Superman Foi O Melhor Filme De Quadrinhos Que Assisti?


 | Coluna: A Conexão
Jhonatan Cespedes outubro 18, 2016



Batman V Superman foi um filme controverso, há quem ame do fundo do coração e há quem odeie do canto mais escondido e obscuro da alma. É certo que o filme incomodou muita gente, incomodou a Marvel já que pela primeira vez se sentiu ameaçada, a FOX por mais que tenha os X-Men nunca foi um adversário a altura da Marvel, incomodou os fãs da Marvel pois pela primeira vez acharam que a DC poderia brigar pesado com os blockbusters da concorrente, incomodou a crítica pois viu algo diferente da fórmula convencional do cinema, e incomodou os fãs da DC mais saudosista por conta de um Superman menos escoteiro.

O filme agradou a mim, e agradou a muitos da mesma forma, foi notável a qualidade técnica aplicada a ele, mas no fim das contas porque digo que ele foi melhor do que nomes grandiosos como Batman: O Cavaleiro das Trevas, ou Os Vingadores, Watchman e V de Vingança? Todos nomes de muito peso.

Por diversos momentos na sessão de cinema arrepiava até os cabelos de onde não sabia que dava para arrepiar, meus músculos contraíram mais que mulher no parto, mas isso tinha um motivo, quase 100% do filme parecia que eu estava vendo uma página de quadrinhos com balões de diálogos incríveis na tela do cinema, o diretor que o povo mais ama odiar Zack Snyder é tão fanboy quanto nós mesmos, e ele mostrou isso em fidelidade aos quadrinhos.

Diversas pessoas reclamaram do "Superman Obscuro" dizendo que ele era APENAS o escoteiro, o símbolo da esperança e N outras coisas, mas muitos esquecem que nosso querido Superman por mais que não seja humano, é o mais humano possível, já escrevi porque eu amo o Superman de Henry Cavill e Zack Snyder, este é um Superman que apresenta todos os sentimentos que qualquer pessoa tem, da alegria de um beijo a sua amada, ao ódio de querer matar em um momento que sua mãe é ameaçada, ele vive os dois lados da balança, o Deus que não pode ser corrompido ao fazendeiro é apenas um homem que tem sentimentos. Este Superman também tem muitas influências de diversas HQ's.

O Batman mais Batman da história nos foi apresentado, sempre que converso com meus amigos do Batman do Nolan e Christian Bale digo que o filme inteiro em si é muito mais um filme policia do que um filme de heróis, e qualquer personagem ali poderia muito bem ser substituído por um original que daria o mesmo resultado, mas o de Zack Snyder e Ben Affleck é um caso diferente, é impossível substituir, muito por conta da trama, mas muito se deve a BELA caracterização que recebemos o presente, finalmente vi um Batman, e um Batman devastado por sua angústia e medo.


Não posso deixar de falar de Jesse Eisenberg e seu INCRÍVEL Lex Luthor, não foi o Luthor convencional a qual estams acostumados, mas foi o Luthor louco, o Luthor que não tem medo do que pode lhe acontecer, ele trouxe uma ameaça verdadeira neste filme, uma ameaça que fez até mesmo um Deus se ajoelhar perante a toda sua soberania, que enganou o Batman, o verdadeiro redentor do caos.

E finalmente o momento que pela primeira (na verdade segunda) vez que lágrimas escorreram de meus olhos assistindo um filme, no ato mais heróico de todos, com seu poder sendo drenado por Kryptonita, o homem de aço, o Deus, tem seu fim, só de lembrar...

Fidelidade outros filmes já nos apresentaram, Watchman do próprio Snyder é um dos maiores exemplos, mas diferente de qualquer filme baseado em quadrinhos que eu já assisti, pela primeira vez me senti surpreso, feliz, triste, ansioso, preocupado, e N outras emoções nesse mar de emoções, este filme me deixou de um jeito que qualquer outro filme jamais deixou, por isto, para minha pessoa, é o melhor filme de heróis já feito.

Obrigado Zack Snyder!


*
Jhonatan Cespedes é o criador do Sociedade Geek e colaborador aqui no Will,Who.
Labels: A Conexão Colunas Destaques

Nenhum comentário:

Postar um comentário