Gaucho Negro!

Gaucho Negro!
Força e Honra

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Grampá, meu novo super-herói



16 DE OUTUBRO DE 2013, 14:03
ESCRITO POR MARCELOTAS
Batman, por Rafael Grampá

Todo mundo tem seu super-herói preferido. Nunca sonhei que um dia o meu fosse um brasileiro. Rafael Grampá conseguiu o impossível: desenhar o meu super-herói favorito, um dos mais antigos da galáxia, de uma forma absolutamente inédita e, reparem, ao mesmo tempo ultra fiel à tradição da misteriosa figura de Batman, o homem-morcego.
Acompanho o Batman desde quando Grampá, hoje com 35 anos, nem havia nascido. Lá na minha infância em Ituverava, brigava com meus irmãos para ver quem atrasava o horário do banho só para não perder um segundo do seriado que passava todo final de tarde na TV. Aquele mesmo que tinha os cartazes com o barulho dos socos, explosões e pontapés: PLACT!, BUMP!, KABUM!!!
Grampá nasceu Rafael Alexandre Claudino Dias em Pelotas, RS. Quando moleque, foi evangélico e graças a um folheto feito por ele, no intuito de convidar mais jovens para a igreja, e desaprovado pelo pastor por usar linguagem inadequada, Rafael abandonou o posto de coroinha e virou oGrampá.
Desde 2004 em São Paulo, começou já com o pé na porta, desenvolvendo filmes de animação e efeitos especiais na sensacional produtora Lobo/ Vetor Zero. No ano seguinte, emplacou uma história – “The Lao’s Family Fish Market”- na coletânea Gunned Down, publicada nos EUA pela editora independente Terra Major. Em 2008, atingiu o primeiro píncaro da fama entre os amantes de HQ, com o lançamento independente da graphic novel “Mesmo Delivery”.
Imagem: Capa Mesmo Delivery

Já a vida adulta profissional e internacional de Grampá se consolidou em 2010, quando a lendária Marvel Comics o convidou para criar uma história para a antologia Strange Tales 2, dando total liberdade de criação. Grampá escreveu e desenhou a história “Dear Logan”, que foi considerada por alguns críticos gringos importantes como “a melhor história do Wolverine de todos os tempos”. Essas oito páginas fizeram de Grampá o primeiro brasileiro a publicar um roteiro para a Marvel Comics nos Estados Unidos.
Detalhe de “Batman: Black and White (2013- ) #2″, coletânea da DC Comics com as novas histórias do cavaleiro das trevas por: Rafael Grampá, Dan DiDio e J.G. Jones, Rafael Albuquerque, Jeff Lemire e Alex Niño, e Michael Uslan e Dave Bullock.

Agora em Outubro, o moço extrapolou. No posto de novo roteirista e ilustrador da DC Comics, ao lado do seu xará também ultra talentoso Rafael Albuquerque e outras feras (imagem acima), é um dos autores de “BATMAN: Black and WHITE #2″, a nova coletânea de histórias do cavaleiro das trevas. Além das suas oito páginas no ilustre gibi, a nova figura do Batman parida por Grampá virou umaestatueta (abaixo), já disponível nos sites norte-americanos por 80 dólares. Não vou sossegar enquanto não ver ela aqui em cima da minha mesa de trabalho.
Rafael Grampá é meu novo super-herói. Parabéns, moleque!

Video: 1up Collectibles

Nenhum comentário:

Postar um comentário