Gaucho Negro!

Gaucho Negro!
Força e Honra

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Música do bem: Planta e raiz.



Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Planta & Raiz
Informação geral
OrigemSão Paulo
PaísBrasil Flag of Brazil.svg
Gênero(s)Reggae groove
Período em atividade1998 - atualmente
Página oficialBanda Planta & Raiz
Integrantes
[[Zeider
[[Fernandinho
[[Cuio
[[Juliano
[[Samambaia
[[Franja
Planta e Raiz é uma banda de reggae formada em 1998 e começou a carreira apresentando-se em feiras, casas noturnas e bares na capital e no litoral paulista, tocando covers de Bob MarleyGilberto Gil e Edson Gomes. Em 2001, no palco da Via Funchal, fizeram o show de abertura para a banda que consagrou Bob MarleyThe Wailers para uma platéia de 7000 espectadores em São Paulo. Em 2005, lançaram umDVD ao vivo. Em toda sua carreira venderam mais de 500 mil cópias.

Índice

  [esconder

[editar]História

A banda iniciou as atividades em 1998, quando o vocalista Zeider e Fernandinho, colegas de escola, uniram-se ao amigo Samambaia para tocar covers de Bob Marley na feira da Praça Benedito Calixto, Vila Madalena. Logo após novos integrantes chegaram como Franja, Cuio e Juliano. Permaneceram tocando na capital e também no litoral paulista e também começaram a desenvolver suas próprias canções, onde lançaram o primeiro CD demo.
A primeira produção da banda foi com o produtor musical Kiko Tupinambá, que já havia trabalhado com nomes da música brasileira. Finalizaram o primeiro demo com quatro canções próprias; todas escritas por Zeider denominaodo Que brota da terra. Em 2000, a banda realizou cerca de 130 shows, dividiu o palco com grandes nomes do reggae como Gregory Isaacs e Tribo de Jah.
Em 2001 participaram em diversos eventos ao lado do Peixelétrico e Maskavo, fez shows no Credicard Hall com Edson Gomes, Tribo de Jah, Natiruts entre outros, tocou para um público de 60 mil pessoas que estiveram no Primeiro Festival Nacional de Reggae, como única banda escolhida para representar São Paulo, na Via Funchal, tocou com The Wailers e, no Primeiro Festival Internacional de Reggae, dividiu o palco com outros nomes jamaicanos. Que brota da terra somou cerca de 10 mil cópias.
No fim de 2001, a banda começou a gravar o segundo disco. Este é o remédio, produção realizada no Midas Estúdio, contou com a direção de Rick Bonadio e com a participação de Zé Orlando da Tribo de Jah, na música Idéia Certa. Em 2002, a Planta e Raiz lançou seu novo CD, que alcançou a marca de 50 mil cópias vendidas. As músicas Com certezaAquele lugar e Pra poucos estavam entre as mais pedidas em algumas emissoras de rádio de segmento jovem. Também nesse ano, o grupo recebeu o Prêmio Qualidade Brasil, atribuído pelo International Quality Service, como banda que mais se destacou no meio artístico musical. Ao final de 2002, a Planta & Raiz contabilizou mais de 150 apresentações por todo o Brasil[1].

[editar]Discografia

  • 2000 - Que Brota Da Terra
  • 2002 - Esse É O Remédio
  • 2004 - De Cara Pro Mundo
  • 2005 - Planta E Raiz Ao Vivo
  • 2007 - Qual é a Cara do Ladrão?
  • 2010 - Sem Limites - Coletânea - CD Duplo
  • 2010 - Manifestação Do Amor
  • 2011 - Planta Adubada - Planta & Raíz + Buginha Dub
  • Copa Reggae
  • Álbum verde - Tributo Reggae a The Beatles

Nenhum comentário:

Postar um comentário