Gaucho Negro!

Gaucho Negro!
Força e Honra

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Revisitando: Batman - O Homem Morcego



"Expressamos nossa gratidão aos paladinos da justiça do mundo todo por seu inspirador exemplo.

A eles e aos amantes de aventura, do puro escapismo, de diversão sadia, dos amantes do ridículo e do bizarro... Dos fãs de toda parte...

Dedicamos respeitosamente este filme."


Com estas considerações, antes mesmo dos créditos iniciais, já temos uma grande idéia sobre o que esperar de Batman – O Homem Morcego(Batman – The Movie1966).

O filme foi rodado entre o intervalo da primeira e a segunda temporada da famosa série de TV Batman (1966-1968) com a intenção de divulgar e vender o seriado para o mundo todo. Nem é preciso dizer o quanto esta idéia funcionou, certo?!


Contando com os já consagrados Adam West (Batman) e Burt Ward(Robin), o filme trouxe praticamente o mesmo elenco da série televisiva:Cesar Romero (Coringa), Burgess Meredith (Pinguim) e Frank Gorshin (Charada), sendo que a única alteração foi a adição da atrizLee Meriwether no papel de Mulher-Gato substituindo Julie Newmar, intérprete da personagem na TV, que na ocasião estava ocupada rodando outro filme.


Na história, os quatro vilões se unem formando o Submundo Unido, uma organização com um único (e óbvio) objetivo: derrotar a Dupla Dinâmicapara, enfim, conquistar o mundo. Para isso eles raptam o Comodoro Schmidlapp, industrial que inventou um objeto que eles pretendem usar para alcançar o seu objetivo: o Desidratador Total (?), uma arma que retira toda a água do inimigo reduzindo-o a uma pilha de pó.

Para combater os vilões, Batman e Robin, devido ao orçamento do filme ser maior do que o utilizado na TV, não utilizam apenas o Batmóvel(diga-se de passagem o mais clássico de todos os tempos, o Ford Lincoln Futura). Eles contam também com o Bat-Cóptero, a Bat-Moto- com um sidecar para o Robin - e a Bat-Lancha.

Em meio a tudo isso, temos diálogos e situações das mais bizarras possíveis. Destaque para as seguintes cenas:

- A Dupla Dinâmica está no Bat-Cóptero sobrevoando o mar atrás de uma pista do iate do Comodoro SchmidlappBatman desce pela bat-escada (com uma placa contendo exatamente esta palavra) e é mordido na perna por um tubarão. Como se livrar dele? Fácil! Usando o Bat-Spray Repelente de Tubarões!!!


- Na Chefatura (?de Polícia de Gotham estão BatmanRobinChefe O'Hara e o Comissário Gordon tentando descobrir quem raptou oComodoro Schmidlapp. Segue abaixo, na íntegra, a conversa deles:

Batman: O que aconteceu na bat-escada...

Comissário: O Pinguim está onde há peixes...

Robin: Esperem! Aconteceu no mar... Viram? Mar... Mulher-Gato!

Batman: Mesmo assim, o tubarão me puxava pela perna...

Comissário: O Coringa!

Chefe: Tudo se encaixa como uma charada... O Charada!

E assim, com essa espetacular percepção eles constatam que os quatro inimigos se uniram para eliminar Batman e Robin! Rs...


- Como era de se esperar, o Charada envia vários de seus enigmas paraBatman e Robin. Mas olhem a incrível capacidade dos dois de decifrá-los:

O que faz um peru ao voar de ponta cabeça? Engole pra cima!

Tem 200g, fica em cima de uma árvore e é perigoso? Um pardal com uma metralhadora!

O que tem a casca amarela e escreve? Uma banana esferográfica!

Santa imaginação, Batman!!!


- Em outra cena, a Dupla Dinâmica invade o esconderijo do Pinguim e encontra uma bomba prestes a explodir. Batman pede para o Robincorrer e se salvar, agarra a bomba e sai correndo com ela para atira-la num local seguro. Porém, para todos os lados que ele vai tem algo que o impede: duas freiras, uma mulher com um carrinho de bebê, uma fanfarra, um casal apaixonado, uma família de patos... Eis que ele vira para a câmera e diz a seguinte pérola: "Há dias em que não se consegue jogar uma bomba fora." Sensacional!!!


Somadas a estas bizarrices já citadas, temos a clássica cena dos dois escalando a parede, os milhões de "bat-isso" e "bat-aquilo", as incontáveis frases do Robin (Santa "alguma-coisa" Batman!) e, claro, as obrigatórias onomatopéias que foram utilizadas somente na luta final:PowWhapZwappKlunk!


Enfim, um filme feito nos moldes da consagrada série que em seu primeiro ano já atingia um sucesso absurdo nos EUA e que ajudou a espalhar aBat-Mania pelo mundo. Porém, com a fama e o sucesso vieram as infelizes acusações de envolvimento homossexual entre Batman e Robindevido ao polêmico livro Seduction Of The Innocent (não publicado no Brasil), de Fredric Whertam. Mas esse é um assunto para outro post...

Esperamos você num próximo bat-post, nesse mesmo bat-blog...

Nenhum comentário:

Postar um comentário